Esportes

Analista defende Clippers em meio a críticas ao contrato de Paul George

(Foto de Harry How/Getty Images)

Paul George deixou o Los Angeles Clippers para ir para o Philadelphia 76ers nesta offseason por um contrato de quatro anos no valor de US$ 212 milhões.

Os Clippers receberam algumas críticas por não se livrarem de George antes e receberem ativos em troca, ou simplesmente por não oferecerem a ele o que ele queria antes de se tornar um agente livre.

Ben Maller, da FOX Sports, disse acreditar que os Clippers tomaram a decisão madura de não dar a George um novo grande acordo.

“Paul George estava tentando fazer os Clippers parecerem os bandidos, mas os Clippers eram os adultos na sala”, disse Maller recentemente no “The Ben Maller Show”.

George disse que se sentiu desrespeitado após a oferta original dos Clippers durante as negociações, o que abriu sua mente para um novo destino. Esse destino acabou sendo Filadélfia.

No entanto, Maller pode estar certo aqui.

Talvez os Clippers tenham percebido que George, que completou 34 anos em maio, não valia o contrato que queria.

Talvez eles também tenham percebido que não tinham um elenco bom o suficiente para competir seriamente com o Minnesota Timberwolves, o Oklahoma City Thunder e o Dallas Mavericks na Conferência Oeste.

Com estrelas envelhecidas como Kawhi Leonard, Russell Westbrook e James Harden no time, talvez os Clippers achassem que não deveriam ter que pagar centenas de milhões de dólares a outra estrela envelhecida apenas para terminar no meio do grupo no Oeste.

Por melhor que George tenha sido ao longo de sua carreira em diversas paradas, o LA pode sentir que tomou a decisão certa em seu contrato.

O tempo dirá se George terá sucesso com Joel Embiid, Tyrese Maxey e os 76ers.

PRÓXIMO:
Keyshawn Johnson diz que os Clippers foram “extremamente desrespeitosos” com Paul George



Source link

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to top button